soluções

VOLTAR

Conheça nossos produtos

A sustentabilidade é condição fundamental para a competitividade da indústria atual. O Instituto SENAI de Inovação em Química Verde desenvolve soluções industriais utilizando técnicas alternativas e matérias-primas renováveis para a criação de produtos e processos mais eficientes, de menor custo e que reduzem ou eliminam o uso e a geração de substâncias nocivas à saúde humana e ao meio ambiente.

Seus projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) concentram abordagens tecnológicas capazes de prevenir a poluição, substituir insumos tóxicos e reduzir o consumo de recursos não renováveis. Os segmentos de mercado principais são: farmacêutico; cosmético, petroquímico, petróleo, agronegócio; biocombustíveis; alimentos e bebidas, e construção civil.

O Instituto SENAI de Inovação em Química Verde é credenciado na Agência Nacional do Petróleo (ANP) e no Instituto Estadual do Meio Ambiente (Inea), além de possuir certificação ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005.

Conheça os principais produtos do Instituto SENAI de Inovação em Química Verde:

A utilização, para processos em escala industrial, de solventes alternativos e que minimizem a geração de resíduos é uma demanda crescente e alinhada com os princípios de química verde. O uso de solventes como CO2 ou água no estado supercrítico proporciona diversas vantagens, como eficiência e seletividade a processos de extração de ativos naturais a partir de biomassa, agregando valor e fomentando a implementação do conceito de biorrefinaria.

Extração-de-bioativos-editada.jpg

Extração de bioativos a partir do café

Utilização de CO2 supercrítico, em consonância a co-solventes, para obtenção de extratos ricos em ácidos clorogênicos, que têm excelente atividade antioxidante com aplicabilidade em diversos setores industriais.


 

Fracionamento-de-Biomassa-editada.jpg

Fracionamento de Biomassa

Otimização do processo de obtenção de lignina a partir do bagaço de cana utilizando CO2 supercrítico, possibilitando o isolamento deste insumo com menor volume de resíduos associado ao processo
 

Recentemente, houve o desenvolvimento de câmeras hiperespectrais, que operam numa faixa mais ampla de espectro, desde a região do infravermelho próximo até o ultravioleta, gerando uma quantidade maior de informação altamente correlacionável com as propriedades dos materiais.

Essa inovação tornou possível a criação de um fingerprint de materiais apenas com uma foto. Por ser uma análise rápida, não-invasiva e não-destrutiva, diversas novas formas de utilização têm sido investigadas para um monitoramento em tempo de real de processos e tomadas de decisão mais rápida em escala industrial.

A síntese de novos materiais carbonáceos porosos a partir de recursos renováveis tem inúmeras vantagens, como a grande área superficial e o baixo custo porque podem ser produzidos, por exemplo, a partir de rejeitos de biomassa. O uso de adsorventes de baixo custo é um método eficaz e econômico para a descontaminação da água e, por isso, tem grande potencial para aplicação em micropoluentes.

Petróleo-e-petroquímico-editada.jpg

Adsorventes baseados em biomassa para remoção de poluentes orgânicos e inorgânicos

Síntese de adsorventes contendo polímeros naturais, em particular quitina, quitosana e derivados de lignina para aplicação na remoção de poluentes orgânicos e inorgânicos de efluentes
 

Com a alta demanda da biotecnologia ambiental, o desenvolvimento e a utilização de biomarcadores celulares e moleculares têm contribuído muito para o avanço das pesquisas aplicadas nesta área. Por meio de tecnologias que usam sistemas biológicos, organismos e derivados, podemos atuar em diferentes áreas industriais, com foco nas técnicas de biologia molecular e celular, bioquímica e microbiologia.

Essa atuação se dá por meio da confecção ou modificação de processos e produtos para um fim específico, trazendo maior eficiência na conversão de biomassas, menor consumo energético em processos industriais, biomonitoramento, biorremediação, bem como o controle de biofenômenos nas indústrias.

O uso de biomarcadores é uma ferramenta imprescindível e de grande importância para identificação genética de populações, e pode auxiliar programas de conservação, caracterização e melhoramento genético vegetal e animal.

Dada a importância do setor de óleo e gás para a economia nacional, torna-se importante a aplicação de medidas para elevar a produtividade nesse segmento. A implementação de métodos analíticos para matrizes complexas, tais como óleo bruto ou águas de processo/produção, é imprescindível para a avaliação de espécies de interesse e que possuam relação com potenciais ocorrências no processo produtivo. Aliar estes métodos a modelos estatísticos e quimiométricos é, por consequência, uma maneira eficiente de interpretação dos dados, agilizando a tomada de decisões.

Modelos-de-previsibilidade-editada1.jpg

Modelos de previsibilidade do teor de sólidos e metais em  blends de óleo bruto

Utilização de modelos quimiométricos para predição de ocorrências operacionais oriundas da presença de sólidos e metais no óleo submetido aos processos de transporte e refino


 

Correlação-entre-métodos-editada.jpg

Correlação entre métodos de determinação do teor de óleos e graxas

Construção de modelos de correlação, visando a estabelecer métodos mais assertivos e aplicáveis em ambiente offshore para determinação de óleos e graxas em águas de produção.